Visita-Jogo à exposição “Reflexos” de João Fazenda
Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

Como podemos tornar numa brincadeira o processo de olhar para uma imagem e reinterpretá-la?

Partimos do conceito de reflexo explorado por João Fazenda, desdobrando-o para diversas superfícies - água, folha de papel, espelho.

Podemos fixar uma imagem na água? O que acontece quando espreitamos para o lado de lá do espelho? Nesta exposição estaremos muito atentos às relações que João fazenda estabelece com os meios aquáticos que Neves e Sousa representa nos seus desenhos a preto e branco. Vamos descobrir como se relaciona com as cores fortes sobrepostas por manchas e linhas na folha de papel, e perceber como uma imagem é a captação de um momento especial e único que pode fugir no reflexo escorregadio dum curso de água.

Iremos relacionar as obras que vemos, criando novas relações formais e de afeto entre os pequenos e grandes visitantes, adicionando os seus olhares e memórias.